Mapa do Portal      Registo      Entrar
 
 
  Detalhes do Projecto  
O Mar Leva e traz...Intercâmbio de Produtos e Culturas no Espaço Ultramarino Português (Categoria: Projecto Educativo)
Local: Oeiras       Duração: de 06-10-2008 a 31-01-2020
 
 
"O Mar leva e traz..."
A situação geográfica da cidade de Lisboa, junto ao Rio Tejo, constituiu um elemento privilegiado para que os Portugueses descobrissem outras formas de viver através da nevegação para destinos a Oriente e Ocidente.
As trocas comerciais e culturais realizadas contribuiram em muito para uma diversificação dos modo de vida reflectindo-se na mudança de hábitos alimentares e quotidianos.

      
 
         
 
O "Mar leva e traz..." pretende funcionar como um espaço vivo que serve de complemento às matérias leccionadas na sala de aula, criando um maior interesse pela história de Portugal e pelas diferentes culturas que esta tocou. A recriação dos ambientes, locais, paisagens, vestuários e povos proporciona aos alunos, de uma forma didáctica e lúdica, uma viagem no tempo e no espaço da Expansão Portuguesa.

A Temática

Conhecer o projecto “O mar leva e traz …Intercâmbio de Produtos e Culturas no Espaço Ultramarino Português” é a proposta para uma viagem no tempo, mais concretamente, uma proposta para recuar até ao séc. XV, uma época de grande crescimento e desenvolvimento para Portugal.
Com o desenvolvimento do comércio marítimo a população de Lisboa já não “cabia” nos limites físicos estabelecidos pela Cerca Fernandina construída por D. Fernando no séc. XIV. A cidade espraiava-se pelas várias colinas e abria-se para o Tejo, onde se registava já um intenso movimento de navios. Toda a cidade se transformava e adaptava aos novos ventos trazidos do Novo Mundo.
Este ambiente fervilhante aliado à localização geográfica privilegiada da cidade, ponto de passagem de importantes vias de comunicação e rotas marítimas e a perspectiva de uma melhoria nas condições de vida, foram factores que impulsionaram os portugueses para os Descobrimentos. Este é o ponto de partida para a nossa viagem marítima à descoberta de novos horizontes.
Instalado no Forte de São Bruno, em Caxias, à entrada da Barra do Tejo, este projecto pretende proporcionar aos alunos um contacto directo com as diferentes técnicas e instrumentos de navegação utilizados nas viagens dos portugueses na época dos Descobrimentos  com os costumes e produtos encontrados na Índia e no Brasil e trazidos pelos portugueses para a Europa.
Como se vivia nestes locais tão longínquos? Como se alimentavam e como se vestiam as populações locais? A organização do percurso expositivo permite a interacção dos alunos com elementos do ambiente cénico e estimula a sua curiosidade em relação aos aspectos históricos que se deseja retratar e transmitir.



Os Destinatários

Vocacionado preferencialmente para alunos do 1º e 2º ciclos do ensino básico.
Os grupos escolares ou outros grupos organizados podem fazer a sua inscrição neste projeto, através dos contatos indicados. Grupos minimos de 10 participantes.

Informações Adicionais

Local de Realização
O projeto funciona no Forte de São Bruno, em Caxias (Oeiras) a partir de 06 de outubro.
O Forte de São Bruno é um monumento de arquitectura militar construído no século XVII com contexto da guerra da Restauração da independência. Esta fortaleza, juntamente com as restantes construídas ou intervencionadas na mesma época, assume uma importância histórica, patrimonial e cultural, reforçada por uma componente identitária que foi adquirindo ao longo do tempo. Situado no interior da barra do Tejo, concelho de Oeiras, freguesia de Caxias, na margem esquerda da foz da Ribeira de Barcarena, o Forte de São Bruno era determinante pela sua localização que o orientava para a defesa e ataque ao inimigo, protecção da barra e Ribeira de Barcarena, onde se desenvolviam na época algumas actividades comerciais, como por exemplo, a exploração de cantarias extraídas das pedreiras do Murganhal – Laveiras.
Espaço privilegiado para a organização de actividades lúdico-pedagógicas, com grandes áreas de exterior que permitem proporcionar às crianças momentos de lazer e descontracção sem esquecer a aprendizagem ou reforço de aprendizagem das matérias leccionadas na sala de aula.



Os Monitores
Factor decisivo para a qualidade da apresentação do projecto é a selecção dos nossos monitores. Na selecção é requisito essencial a formação académica superior na área de História. Assim, colaboram neste projecto professores licenciados em História. Para dinamização de actividades lúdicas relacionadas com o tema central do projecto (festas de aniversário e ateliers de tempos livres) contamos também com a colaboração de jovens com formação suplementar na área da animação cultural.

Valor de inscrição
4,00€ por participante
Grupos particulares: €5,50 por participante.

Horários das sessões:
 de 2ª a 6ª feira
manhãtarde 
09.30/11.00h 14.00/15.30h
11.00/12.30h15.30h/17.00h







 



DESCARREGUE AQUI "FICHA DE PRÉ-INSCRIÇÃO"

 

Comentários


 
Marque a sua visita...

Contactos
Tlm: + 351 918 748 695
Fax.: +351 218 885 342

Email: educativo@amigosdoscastelos.org.pt

 


Deixe aqui o seu comentário sobre este Projecto:
Nome:
Email:
Comentário:
Inserir Comentário
   
ana isidro <ana_pirikita_10_05@hotmail.com> (03-04-2007 13:40:19)
este projecto e muito giro passo la bons bomentox vom os meus amigos em caxias
Fernanda Paula Silva <Fpaula@sapo.pt> (08-02-2008 13:51:38)
Vou visitar 6ªfeira com os meus alunos do 6ºB,espero que corresponda a todas as expectativas.Para já acho fabuloso!
Marco Aurélio Araújo Teixeira <marco.adv.94@uol.com.br> (16-12-2016 21:00:51)
Residindo no Brasil, mas indo todo ano a Portugal, penso poder colaborar nesse projeto. Pois morando no Rio de Janeiro temos muita coisa aqui do Brasil colônia no tempo do Império. Saudações.
Voltar
 
     
     
  Privacidade        Condições de Utilização        Copyright 2006-2015 Amigos dos Castelos